​​


























Campeões KWC Brasil


Campeões Brasileiros 2017

 ANANDA TORRES & THIAGO MILLÔRES

Ambos do Rio de Janeiro - Representando o Calabouço Heavy & Rock

 

 

21844155_1916829644999365_777425071_o.jpg

Thiago Millôres, 29 anos, nasceu em Magé, no Rio de Janeiro. Gosta de música desde criança, quando ouvia os discos da mãe e da avó. Apesar de sua família não ter muitos recursos, aos 13 anos passou a ter aula de piano clássico e aos 15 foi chamado fazer parte de uma banda. Aos 16 criou coragem para cantar e descobriu o karaokê. Sempre que podia estava nos palcos, enquanto trabalhava como freelancer tocando em bares e casamentos. Foi convidado por Rossana Pinheiros, organizadora de um karaokê no Rio de Janeiro, a participar do KWC. Desempregado e com dificuldades financeiras para vir a São Paulo participar da final, teve o apoio dos amigos cariocas, da família e principalmente de Rossana, e venceu a competição.   Seu sonho hoje é ter condições de estudar mais e viver de música.  

Carioca, Ananda Torres, 40 anos, despontou na competição no Calabouço Heavy & Rock Bar. Nasceu sem enxergar nada e seus pais usavam a música como meio de comunicação e expressão. Após uma cirurgia de catarata congênita, aos dois anos começava a experimentar o mundo e tocar um pianinho. Aos 8 anos ganhou um piano de verdade e, aos 16 começou a estudar canto. Entrou na UniRio em licenciatura em música, mas largou a faculdade e cursou Publicidade na ESPM. Em 2014 participou das seletivas para o The Voice Brasil e cheguou às audições às cegas. Fou convidada para ser assistente de direção musical do espetáculo S'Imbora, o Musical - sobre a vida do cantor Wilson Simonal. Trabalhou também como pianista ensaiadora e assistente de preparação vocal. A experiência com Karaokê começou este ano, quando comemorou seus 40 anos num Karaokê, onde ficou sabendo da disputa do KWC Brasil.


 

Acompanhem as novidades:

BRUNA HIGASHI

Apaixonada por música desde a infância e canta para o público desde os 14 anos de idade. Apesar de ser roqueira de carteirinha, é eclética e versátil, cantando diversos estilos como pop e rock nacional e internacional, música pop japonesa e também teatro musical. Suas principais influências são: Heart, Evanescence, Halestorm, Abba e as grandes divas como Céline Dion e Whitney Houston.


Descendente de japoneses, participou e ganhou diversos concursos de canto voltados para música pop/rock japonesa, sendo atualmente a Bi-campeã do Animeke Show (2009 e 2014), cujos prêmios foram duas viagens ao Japão. Em 2016 foi a campeã brasileira do KWC - Karaoke World Championship e foi a Vancouver, Canadá representar o Brasil na final mundial, onde foi terceira colocada.


Tem mais de 15 anos de experiência com bandas e apresentações para pequenos e grandes públicos, de bares e casas noturnas a grandes festivais como o AnimeFriends.

MIKE MAIA

Mike nasceu no Pernambuco e descobriu sua paixão por música aos 9 anos, quando começou a cantar em igrejas. Mudou-se para São Paulo, aperfeiçoou o talento nato aprendendo algumas técnicas e passou a fazer apresentações em casamentos e em corais da escola.


Hoje Mike expressa sua vocação natural por meio de diversos estilos musicais, mas alimenta grande paixão pelo blues e jazz. Suas influências são Ray Charles, Etta james Leonardo Gonçalves, Gavin James, Djavan, Caetano Veloso, entre outros.


Em 2016 foi campeão brasileiro do maior campeonato de Karaoke do mundo, o KWC - Karaoke World Championships – ganhando a vaga para representar o Brasil na grande final, em Vancouver. Numa acirrada disputa, conquistou o 7° lugar no mundial e teve a honra de fazer parte do seleto Top Tem dos melhores da competição. Logo após essa vitória, realizou sua primeira gravação profissional da sua carreira artística, lançando a música e o clipe "Eu não sei", de sua autoria.